Novidades musicais de todos os tempos. Também estamos em:

Orkut : Flickr : Multiply : Youtube : Twitter : Facebook

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Vídeos e Fotos: Macy Gray no Circo Voador (10/04/14)

| Nenhum comentário






Vi três shows da Macy Gray (Live Earth / 2007, Back 2 Black / 2011 e agora, no Circo Voador) e todos foram ótimos. Em nenhum deles, a cantora deu sinais de estrelismo ou falta de profissionalismo, ou seja, nunca testemunhei nenhuma atitude que justifique a tal má fama que ela adquiriu.





Sob pretexto de comemorar os 15 anos do seu primeiro disco, On How Life Is, Macy voltou ao Brasil para uma série de 4 shows, iniciando a tour pelo Rio de Janeiro, todos abertos pelo DJ Wax Tailor, um dos melhores representantes do trip-hop da atualidade.





Com sua voz anasalada (uma marca registrada), algo como uma versão feminina de B-Real do Cypress Hill, Macy interagiu o tempo todo com o público e foi correspondida na mesma intensidade (elogios ao Brasil e aos cariocas foram uma constante).  Curiosamente, desta vez, a cantora não trouxe suas simpáticas backing vocals o que exigiu mais da sua presença de palco.





No melhor estilo best of, o setlist foi composto por praticamente todo o primeiro disco, sucessos importantes da carreira, alguns covers já habituais ao repertório (Rod Stewart, Radiohead) e até uma música inédita, Stoned, prevista para entrar no próximo disco, intitulado The Way. Durante a troca de roupa (sim, foram 3, mas nada enfadonho como costumam ser trocas de roupas em shows), a excelente banda segurava a onda, com improvisos que iam de Cantaloop a Mas Que Nada.





Vejam 11 vídeos que gravei:




Ou clique aqui!


Lista de Músicas:


- Intro / Why Didn´t You Call Me (abertura do show)


- Do Something


- Caligula


- Sex-O-Matic Venus Freak


- Ghetto Love


- Mas Que Nada / Sexual Revolution / Do Ya Think I´m Sexy


- Ballada Medley


- I Try


- Beauty In The World


- Creep


- The Letter (encerramento do show)


segunda-feira, 14 de abril de 2014

Lollapalooza Brasil 2014 - Impressões Finais

| Nenhum comentário







Já falei bastante sobre os shows do Lollapalooza que aconteceram no primeiro domingo de abril em São Paulo, no Autódromo de Interlagos (o festival também aconteceu no sábado), mas cabem aqui mais algumas considerações sobre como foi o festival em diversos aspectos, para que tenhamos uma noção sobre em que pé estamos em relação aos grandes festivais que acontecem no Brasil.



Falei aqui sobre os shows de Francisca Valenzuela (o finalzinho), Apanhador Só, Illya Kuryaki And The Valderramas e Johnny Marr:


Lollapalooza Brasil 2014: um domingo bonito e escaldante em Interlagos - Parte 1





E aqui falei sobre Ellie Goulding, Vampire Weekend, Pixies, Soundgarden e New Order:


Lollapalooza Brasil 2014: um domingo bonito e escaldante em Interlagos - Parte 2




Agora, as considerações.




A ida e a saída do Autódromo

Interlagos é longe, muito longe. Mas tanto para ir quanto para voltar houve relativa tranquilidade indo de trem. No site do Lollapalooza é dito que "o local está a aproximadamente seis minutos de caminhada da Estação Autódromo". Bom, eu corri, pois queria ver a tempo o show da Francisca Valenzuela, e levei bem mais que seis minutos. Mas só peguei o fim do show porque não saí mais cedo. Havia um outro portão, acessível por linhas de ônibus, que me deixavam mais próximo ao palco onde veria a maioria dos shows (Illya Kuryaki And The Valderramas, Johnny Marr, Vampire Weekend, Soundgarden), mas vivendo e aprendendo... De toda forma, ajudado por um sistema de trens e metrô bem melhor do que no Rio de Janeiro (se bem que comparar qualquer lugar com o lixo que é o transporte no Rio chega a ser covardia) a chegada e saída do festival foi positiva.





Filas

Quase todas as filas, seja para a entrada no festival, compra de tíquetes de alimentação, a utilização desses tíquetes para pegar comida e bebida, e os banheiros, eram bem pequenas no domingo. Pelo menos entre as filas presenciadas por esta Cumbuca. Única exceção foi a fila para pegar cerveja em uma barraca próxima ao palco onde naquele momento acontecia o show do Soundgarden.





Preço da cerveja

A grande bola fora do festival. A cerveja era Skol, que inclusive dava nome a um dos palcos. Skol é ruim, todo mundo sabe, mas com o calor que estava, até desceria bem. Desceria se não custasse NOVE REAIS (pense nessas letras em negrito sangrando). Não há nada além de ganância que justifique um preço desses. Se valesse quatro reais, estava mais do que paga essa água com gostinho de milho. Mais do que quatro reais é roubo.





A distância e o acesso entre os palcos

Uma reclamação recorrente por aí, e que já comentei nos textos sobre os shows, foi sobre a distância entre os palcos. Realmente, era preciso caminhar mais do que estamos acostumados em festivais em solo brasileiro. O resultado favorável disso é que, no geral, não era possível ouvir o som de outros palcos vazar para o show que você estivesse assistindo. Então parece um preço razoável a se pagar. Por outro lado, o acesso entre os palcos pode ser melhorado. Pelo que foi dito, no sábado houve um verdadeiro congestionamento de gente que tentava transitar entre um palco e outro. No domingo com menos gente, em certos momentos era claro que as caminhadas longas podiam ser mais tranquilas se existissem outros pontos de passagem e de "entrada" para área dos palcos, algo que pode ser melhor estudado para a edição 2015.





A quantidade de palcos (e de atrações)

Por conta da distância entre os palcos, li em algum lugar a sugestão de que no ano que vem o festival tenha menos palcos. O que deveria acontecer é o contrário. Pelo preço do ingresso, deveríamos ter MAIS palcos, mais atrações e, sim, se você quer assistir o maior número possível de artistas em palcos diferente, mais caminhada. Poderíamos ter mais atrações nacionais interessantes (aliás: como alguém faz um festival no Brasil e não chama o Metá Metá??) e atrações internacionais que fujam um pouco dessa obviedade que reina atualmente nos festivais de todo o mundo (goste-se ou não, é um tal de Muse, Phoenix, Red Hot Chili Peppers - o único dessa "turma" que não tocou no Lolla Brasil, mas bateu ponto na edição chilena - e Arcade Fire em tudo quanto é festival do planeta... Legal que o Brasil esteja nessa rota de "grandes" shows, mas está faltando personalidade nessas curadorias para encaixar outros artistas). Quanto mais opções, melhor, apesar de volta e meia poder acontecer aquela aflição de escolher entre um ou outro de seus artistas preferidos. Mas isso pode significar menos gente apinhada em um mesmo lugar, o que melhora o acesso pra todo mundo.





Os palcos

Não tenho a menor vontade e compromisso de fazer propaganda de marcas, embora tenha mencionado a Skol mais acima. Marca de carro então é que evito mesmo. Então chamo o palco onde tocou Johnny Marr, Vampire Weekend, etc, de "mais distante". Já foi mencionado durante a resenha dos shows, mas vale o reforço: foi este o palco mais interessante, tanto para quem queria ver a banda sem se espremer na frente, podendo ouvir bem a música mesmo de uma razoável distância. Os outros dois palcos foram ok nesses quesitos também.







Pontualidade dos shows

Uma das grandes conquistas nessa lenta evolução de mega festivais no Brasil, os shows assistidos por La Cumbuca não tiveram nenhum atraso maior do que três minutos. Isso permite que a volta para casa não seja comprometida (já que metrôs e trens têm seus horários de funcionamento) e ajuda a não avacalhar com a programação que fazemos dos shows que queremos ver.





Lixo

Não é exclusividade do Lollapalooza, mas é um grande mistério: será que é tão difícil instalar lixeiras em um festival? O que costumo fazer é ir guardando o que dá no bolso até achar uma lixeira, mas que tal ajudar a gente, Lollapalooza? Desde a hora que cheguei o gramado estava sujo, como resultado do dia anterior, o que já mostra que o serviço de limpeza não funcionou muito bem. Tanto as lixeiras que existiam nas áreas de bares e lanchonetes quanto as poucas que existiam fora dessas áreas, ficaram cheias antes do final da tarde e o lixo não era recolhido. Não adianta pedir educação e conscientização do público se não são dados os meios para isso.





Saldo final

Em geral, é arriscado ir a uma primeira edição de um festival. O Lollapalooza Brasil está em sua terceira edição, mas é a primeira vez que estaciona no Autódromo de Interlagos. O risco foi recompensado por ótimos shows em uma boa escalação no domingo (no sábado, considerei o nível de atrações bem fraco) e uma boa experiência, ainda mais se considerarmos desastres como o Rock in Rio de 2011 ou todos os perrengues relatados sobre o finado SWU. Com isso o Lollapalooza se aproxima da qualidade do festival Planeta Terra que, dizem, não deve acontecer este ano, infelizmente. Infelizmente porque ainda falta um pouco (ou muito, por relatos sobre o sábado) para os organizadores do Lollapalooza poderem dizer que fizeram um festival que não só encheu o bolso de grana, mas respeitou seus principais clientes: o público. Aguardemos o que eles trarão de bom para 2015.





Adendo - Outros links sobre o Lollapalooza

Enquanto vou escrevendo e divagando sobre os shows que assisto, acabo deixando de ler vários outros textos sobre o festival de gente muito bacana, alguns até que não foram ao festival. Então, para eu recuperar o tempo perdido e para vocês lerem outras opiniões sobre o festival, aqui alguns:


Scream & Yell


Floga-se


A Ilha dos Mendigos


Ronca Ronca


Rock em Geral

Esta Semana No Rio: Lucas Vasconcellos, Autoramas Instrumental, Rubinho Jacobina, Bebeto, Focus, Emicida, Módulo 1000, Misfits e muito mais

| Nenhum comentário


Tem Páscoa e feriadão mas tem muito show também: Rubinho Jacobina de volta ao Rio para todos nós que estávamos com muita saudade, show instrumental do Autoramas ao lado dos franceses do Sonic Angels, o encontro de Lucas Vasconcellos e Alice Caymmi, Focus e Thijs (vocalista da banda) em show solo, Emicida grátis, o prog lendário do Módulo 1000, a resistente Fosfobox completando 10 anos e comemorando com 7 festas em 7 dias, e, até mesmo, festivais de rock em Friburgo e Cabo Frio.



Palco MPB: Moinho
segunda, 14/04/14
Preço: grátis - senhas distribuídas uma hora antes
Horário: 19:00
Teatro do SESI - Av. Graça Aranha, 1 - Centro


Autoramas Instrumental & Sonic Angels (FRA)
segunda, 14/04/14
Preço: 15
Horário: 19:00
Audio Rebel - Rua Visconde de Silva, 55 - Botafogo


Thijs Van Leer (Focus)
segunda, 14/04/14
Preço: 60 meia
Horário: 21:00
Bar do Tom - Rua Adalberto Ferreira, 32 - Leblon


Digital Dubs & Fayah
segunda, 14/04/14
Preço: 20
Horário: 22:00
Bar Leviano - Rua Mem de Sá, 47 - Lapa


Rosanah
terça, 15/04/14
Preço: grátis
Horário: 15:00
SESC Madureira - Rua Ewbanck da Câmara, 90 - Madureira

Sarau Cultural Com Jorge Salomão - Participação: Jards Macalé
terça, 15/04/14
Preço: 2
Horário: 19:00
Teatro do SESI - Av. Graça Aranha, 1 - Centro


Mariana Baltar
terça, 15/04/14
Preço: 5 meia
Horário: 19:00
SESC Ginástico - Av. Graça Aranha, 187 - Centro


Focus (HOL)
terça, 15/04/14
Preço: 120 meia
Horário: 19:30
Teatro Rival - Rua Álvaro Alvim, 33 - Cinelândia


Cabaret
terça, 15/04/14
Preço: 25 meia
Horário: 21:30
Solar de Botafogo - Rua General Polidoro, 180 - Botafogo

Som na Gávea: Flávio Guimarães (Blues Etílicos)
terça, 15/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 21:30
Casa da Gávea - Praça Santos Dummont, 116 - Gávea


Matriz Live Sessions: De´La Roque / Nipshot
terça, 15/04/14
Preço: 10 lista amiga, 15 sem
Horário: 21:30
Casa da Matriz - Rua Henrique de Novais, 107 - Botafogo


Música no Capanema: Emicida
quarta, 16/04/14
Preço: grátis
Horário: 18:30
Sala Funarte Sidney Miller - Rua da Imprensa, 16 - Centro

Leila Pinheiro
quarta, 16/04/14
Preço: 15 meia
Horário: 19:30
Teatro do SESI - Av. Graça Aranha, 1 - Centro

Eliana Printes
quarta, 16/04/14
Preço: 25 meia
Horário: 19:30
Teatro Rival - Rua Álvaro Alvim, 33 - Cinelândia


QuintAvant: I Buried Paul / Victim!
quarta, 16/04/14
Preço: 15
Horário: 20:00
Audio Rebel - Rua Visconde Silva, 55 - Botafogo



Os Dentes
quarta, 16/04/14
Preço: 15 meia
Horário: 20:30
Espaço Cultural Sérgio Porto - Rua Humaitá, 163 - Humaitá


Módulo 1000 / Anjo Gabriel / Deus Nuvem
quarta, 16/04/14
Preço: 60 meia
Horário: 21:00
Bar do Tom - Rua Adalberto Ferreira, 32 - Leblon


1º Friburgo Tá No Rock: Orange House / O Bira Já / Initio / O Vazio
quinta, 17/04/14
Preço: 10 1º lote, 15 2º lote, 20 na hora
Horário: a partir das 15:00
Onix Club - Rua Prudente de Morais - Duas Pedras - Nova Friburgo


Rio Jazz Orchestra & Taryn Szpilman
quinta, 17/04/14
Preço: 30 meia
Horário: 19:30
Teatro Rival - Rua Álvaro Alvim, 33 - Cinelândia


Rubinho Jacobina
quinta, 17/04/14
Preço: 15 meia
Horário: 20:00
Espaço Cultural Sérgio Porto - Rua Humaitá, 163 - Humaitá


Território Livre: Festa B.L.E.S.S. Convida BNegão + Nabby Clifford + Vitor Bhing + Lapide & Loty
quinta, 17/04/14
Preço: 20 lista amiga, 25 sem até 00:00, 30 sem após 01:00
Horário: 21:00
La Paz - Rua do Resende, 82 - Lapa


Fosfobox 10 Anos: Fosfobox Records + #obaoba: DJs Pedro Piu, Vintage Culture (PR), Earstrip & Torha Live (com bateria ao vivo)
quinta, 17/04/14
Preço: 30 lista até 1:00, 40 lista após 1:00, 50 sem lista
Horário: 21:00 vernissage, 23:00 festa
Fosfobox - Rua Siqueira Campos, 143 - Copacabana


Lucas Vasconcellos - Participação: Alice Caymmi
quinta, 17/04/14
Preço: 10
Horário: 22:00
Comuna - Rua Sorocaba, 585 - Botafogo


Raiz do Sana - Participações: Chris Mourão, Nissin, Baia / Trio Nordestino
quinta, 17/04/14
Preço: 30 meia
Horário: 22:00
Circo Voador - Lapa


The Outs / Hell Oh / Quarto do L
quinta, 17/04/14
Preço: 15 lista amiga, 20 sem
Horário: 22:00
Espaço Multifoco - Rua Mem de Sá, 126 - Lapa


Ludi Um & Os Únicos
quinta, 17/04/14
Preço: 10 lista amiga, 15 sem
Horário: 22:00
Centro Cultural Carioca - Rua do Teatro, 37 - Lapa


África: Bebeto & Orquestra de Afrobeat / Larissa Luz / Luana Karoo / Márcio Local
quinta, 17/04/14
Preço: 30 antecipado, 35 lista amiga, 40 sem lista
Horário: 23:00
Clube dos Democráticos - Rua do Riachuelo, 91 - Lapa




João Bosco
sexta, 18/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 19:00
Caixa Cultural - Av. Almirante Barroso, 25 - Centro


Jesper Hedeggard Trio & Thais Motta
sexta, 18/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 19:30
Centro Municipal de Referência da Música Carioca - Rua Conde de Bonfim, 824 - Tijuca


MPB-4
sexta, 18/04/14
Preço: 40 meia
Horário: 19:30
Teatro Rival - Rua Álvaro Alvim, 33 - Cinelândia


20º Baile do Almeidinha: Hamilton de Holanda - Tributo a Clara Nunes - Participações: Mariene de Castro e Pandeiro Repique Duo / Conjunto Noites do Norte
sexta, 18/04/14
Preço: 30 meia
Horário: 20:00
Circo Voador - Lapa




A.Nota: Nicolas Krassik & Os Cordestinos
sexta, 18/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 21:00
Oi Futuro - Rua Visconde de Pirajá, 54 – Ipanema


Beach Combers
sexta, 18/04/14
Preço: mulheres lista amiga grátis até 00:00 - 10 após, 15 lista amiga até 00:00 - 20 após, 25 sem lista amiga
Horário: 22:00
Bar do B - Mercadinho São José - Rua das Laranjeiras, 90 - Laranjeiras




Festa Roll: Banda Turba
sexta, 18/04/14
Preço: mulheres grátis até 23:00, 15 lista amiga, 20 sem
Horário: 22:00
Saloon 79 - Rua Pinheiro Guimarães, 79 - Botafogo


Mosh Pit Never Die: Confronto / Canilive / Crença & Fúria / Sob Cerco / Unânime
sexta, 18/04/14
Preço: 15
Horário: 22:00
Planet Music - Av. Ernani Cardoso, 66 - Cascadura

Fosfobox 10 Anos: Fosfobox Eletrônico - Subsolo: DJs Leo Janeiro, Jonas Rocha, Marcelo Abreu, Bed & Breakfast (DJs Marcio Careca e João Paulo), Pedro Mezzonato e Fella, Nana Torres e Ricardo Estrella, Flow & Zeo, Matera, Rodrigo Correia, Kammy / Fosfobar: DJs Joca Vidal, David Tabalipa, Zuim, Sean Diss, Toledo, Manara, Skull B
sexta, 18/04/14
Preço: 30 lista até 1:00, 40 lista após 1:00, 50 sem lista
Horário: 23:00
Fosfobox - Rua Siqueira Campos, 143 - Copacabana

Digital Dubs
sexta, 18/04/14
Preço: 30
Horário: 23:45
Casa Alto Vidigal - Rua Armando de Almeida Lima, 1 - Mirante do Arvrão - Alto Vidigal


VI Festival de Rock Humanitário: Plebe Rude / Ratos de Porão / Korzus / Flicts / Hicsos / Carro Bomba / Usina Blues / Left Hand / Protesto Suburbano / Comando Delta / Indic Blue / The Sexons / Naíra / Deck 35 / Iorius
sábado, 19/04/14
Preço: 2 kg de alimentos não perecíveis
Horário: a partir das 14:00
Espaço de Eventos - Centro - Cabo Frio


Original Breaking Jam 2014: Peso Lunar / Bolt / Leon Beatbox / MC Slow Dabf
sábado, 19/04/14
Preço: 5 meia
Horário: 14:00
Arena Jovelina Pérola Negra - Praça Ênio, s/n - Pavuna


Caboco Satélite Convida Coletivo Amo Vinil / Panguajazz
sábado, 19/04/14
Preço: grátis
Horário: 16:00
Quadra do Matoso - Esquina da Rua do Matoso com Dr. Satamani - Tijuca


Crucified Barbara / Kiara Rocks / Hibria
sábado, 19/04/14
Preço: 70 meia 1º lote, 80 meia 2º lote, 90 meia 3º lote
Horário: a partir das 16:00
Teatro Odisseia - Av. Mem de Sá, 66 - Lapa


Jazz do Castelo: Guga Pellicciotti Trio
sábado, 19/04/14
Preço: grátis
Horário: 18:00
Botequim São Quim - Av. Churchill, 60 - Castelo

João Bosco
sábado, 19/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 19:00
Caixa Cultural - Av. Almirante Barroso, 25 - Centro

MPB-4
sábado, 19/04/14
Preço: 40 meia
Horário: 19:30
Teatro Rival - Rua Álvaro Alvim, 33 - Cinelândia


Roque Malasartes
sábado, 19/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 19:30
Centro Municipal de Referência da Música Carioca - Rua Conde de Bonfim, 824 - Tijuca


Lício
sábado, 19/04/14
Preço: 15
Horário: 20:00
Audio Rebel - Rua Visconde de Silva, 55 - Botafogo


Tru & Tro & Sua Corja (Letícia Novaes & Arthur Braganti)
sábado, 19/04/14
Preço: 20 meia
Horário: 20:00
Teatro Café Pequeno - Av. Ataulfo de Paiva, 269 - Leblon

A.Nota: Nicolas Krassik & Os Cordestinos
sábado, 19/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 21:00
Oi Futuro - Rua Visconde de Pirajá, 54 – Ipanema


DJ Biriba + Djalma: Afrofunkpost Everythingtronics
sábado, 19/04/14
Preço: grátis
Horário: 22:00
Comuna - Rua Sorocaba, 585 - Botafogo


Brotherhood Death Fest II: Inferia (FIN) / In Torment (RS) / Vometropo (SP) / Visceral Leishmaniasis
sábado, 19/04/14
Preço: 20
Horário: 22:00
Planet Music - Av. Ernani Cardoso, 66 - Cascadura

Fosfobox 10 Anos: Subsolo - DJs Tomás Troia, Fabiano Moreira, Richard L, Fl3sh Disco e Sal, Fernando Schlapfer, Jeff e Raphael Narciso, Andrei e Queiroz / Fosfobar - DJs Beto, Lucas Rizzotto, Grazzia & Caio Loki, Polly & Ivy, Julie, Drop Dead Divas, Julia Gameiro
sábado, 19/04/14
Preço: 30 lista até 1:00, 40 lista após 1:00, 50 sem lista
Horário: 23:00
Fosfobox - Rua Siqueira Campos, 143 - Copacabana


Festa Locomotiva: Difré RapFilosofia / Lou Dog (PR)
sábado, 19/04/14
Preço: 15 levando um livro até 23:20, 20 lista amiga, 25 sem lista
Horário: 23:00
Teatro Odisseia - Av. Mem de Sá, 66 - Lapa


Jokers: ZRM / Costa Gold / Indigesto / Cartel MCs
sábado, 19/04/14
Preço: 20 antecipado, 30 até 00:30, 40 depois
Horário: 23:00
Majestade Show - Av. Mem de Sá, 21 - Lapa


Oju Artt: AfroJazz / DJ Egil / MBGroove / Ambassodors
sábado, 19/04/14
Preço: mulheres grátis na lista até 00:00, 30 até 01:30, 40 depois - homens 30 até 01:30, 40 depois
Horário: 23:00
Casa de Eventos - Av. Presidente João Goulart - Vidigal

João Bosco
domingo, 20/04/14
Preço: 10 meia
Horário: 19:00
Caixa Cultural - Av. Almirante Barroso, 25 - Centro

Tru & Tro & Sua Corja (Letícia Novaes & Arthur Braganti)
domingo, 20/04/14
Preço: 20 meia
Horário: 20:00
Teatro Café Pequeno - Av. Ataulfo de Paiva, 269 - Leblon


Misfits (EUA) / Wishcraftt
domingo, 20/04/14
Preço: 80 meia
Horário: 22:00
Circo Voador - Lapa


União Profana: Guerreiros Headbangers (SP) / Conquistadores (SP) / Metallic Crucifixion (SP) / Thrash Attack (BH) / Inciter (MG)
domingo, 20/04/14
Preço: 15
Horário: 23:00
Planet Music - Av. Ernani Cardoso, 66 - Cascadura

Fosfobox 10 Anos: Wobble / Dubstep - Subsolo: DJs Rodrigo S, Marginal Men, Marky / Fosfobar: DJs Diogo Strausz e Fabio Heinz
domingo, 20/04/14
Preço: 30 lista até 1:00, 40 lista após 1:00, 50 sem lista
Horário: 23:00
Fosfobox - Rua Siqueira Campos, 143 - Copacabana