Novidades musicais de todos os tempos. Também estamos em:

Flickr : Youtube : Twitter : Facebook

Destaques do site:

terça-feira, 10 de junho de 2008

O Videoclipe não morreu

Quer dizer, aqui no Brasil até que morreu. A MTV parou de passar por um tempo, agora passa de novo. Mas ele está bem mais vivo no Youtube, onde as bandas estréiam seus clipes (vide Weezer). Aqui, três bandas/artistas do Rio tentando provar seu valor através de imagens.


João Brasil - Baranga - http://www.youtube.com/watch?v=F88pHrm43ng
O mais "bombado" dos três, graças às aparições nos programas do Marco Mion na MTV e pelo bom humor das músicas (já vimos e falamos do show). Tanto é que teve estréia garantida no programa Descarga apresentado pelo dito cujo. Se não retiraram, vocês podem coferir a estréia aqui ó: http://br.youtube.com/watch?v=GAYyPAEOC6Y. O clipe tem toda uma estética "clipes que passavam no Fantástico nos anos 80", além de ser assumidamente inspirado no clipe de "Sultans of Swing" do Dire Straits. É só comparar o início dos dois vídeos. Eis aqui o original: http://br.youtube.com/watch?v=_SEULZIHru0


The Feitos - Disco do Roberto - http://br.youtube.com/watch?v=IAbKlpsHB00
É o maior clássico do The Feitos, que lançou seu álbum Na Cabeça da Chorona (muito bom!) ano passado. A intenção era de que, ao invés de Roberto Carlos, o disco em disputa na historinha do vídeo fosse o Roberto Leal, não sei se isso ficou muito claro. Quem não tiver como comprar o disco (do The Feitos, não o do Roberto), pode ouví-lo aqui.


Djangos - Atenção

O disco novo tá prometido para esse ano, e se seguir o que já andei ouvindo em umas demos, tem tudo para sair mais um discão do Djangos, após 10 anos do lançamento do primeiro. Essa música aí em cima foi a última a entrar no disco novo. A primeira versão para "Atenção" foi feita há uns anos atrás para uma ong (a FASE). Após muito tempo esquecida, o vocalista Marco Homobono fez uma versão remix e jogou no myspace da banda. Marcelo Yuka, o produtor do disco, ouviu e exigiu que a faixa entrasse.
Então vamos lá. A versão (acho) final tá aí em cima.
A versão remix pode ser ouvida nesse mini-making of do disco:
http://br.youtube.com/watch?v=2Nsv6f1Csbo

E a primeira versão, feita para a ONG, pode ser ouvida aí embaixo:

E eu sou meio suspeito pra falar, porque sou um grande fã dos Djangos, mas acho as três versões ótimas.

Nenhum comentário: