Novidades musicais de todos os tempos. Também estamos em:

Flickr : Youtube : Twitter : Facebook

Destaques do site:

terça-feira, 20 de maio de 2008

Canastra e Móveis Coloniais de Acaju - 10/05/08

Móveis Coloniais de Acaju


Para não passar em branco.

Na semana passada eu mostrava minha preocupação em tantos shows acontecerem no mesmo dia, o que poderia dividir um público que já não costuma ser tão grande.



Bom, na verdade, pelo que ouvi de outras pessoas, o único lugar que teve perdas nesse excesso de oferta foi a Loud! com Moptop e Vanguart. As pessoas que poderiam ir a esses dois shows acabaram, em sua maioria, optando mesmo por lotar o show do Móveis Coloniais de Acaju. E fizeram uma ótima escolha. Móveis faz fácil o melhor show do Brasil, atualmente.



Móveis Coloniais de Acaju



Só vi o Rusty Machine, a primeira banda a tocar naquela noite, de longe, mas me pareceu bem divertido, como toda banda de ska costuma ser. Antes do Móveis, Canastra fez o melhor show que já vi deles. Mais cedo, pela Lapa, dava para ver um número considerável de fãs de Rockabilly pelos bares nos arredores do Circo. Depois estariam todos lá suingando ao som de músicas como "Chevette Vermelho" e "Motivo de Chacota".



Canastra



A banda, que costumar ser animada em palco, parecia estar ainda mais, e o setlist veio muito bem amarrado. O pessoal dos sopros jogando cartas com algumas pessoas da platéia, enquanto os outros quatro tocavam e a participação de Nervoso cantando Squirrel Nut Zippers foram excelentes momentos. Faltou "Besame Mucho", e "Twist and Shout" não precisava, mas a vontade é de vê-los mais uma vez.



Canastra



E foi essa vontade que me levou ao meu sétimo show da mobília brasiliense. Depois do último show em janeiro eu achava que já havia visto o bastante, até porque as novas músicas apresentadas na época não me empolgaram tanto. Mas é só começar o show que a gente lembra o porquê de estar ali. Para melhorar, a nova música - além das já conhecidas e excelentes "Sem Palavras" e "Lista de Casamento" - apresentada desta vez, "Insatisfeito", é um adorável embrulho de música do leste europeu com ska e refrão pop ensolarado. Mas não barra "Lista de Casamento", confiram esta:







No meio do show Gabriel Thomaz (Autoramas) é chamado e, juntos, tocam uma releitura de "Família que Briga Unida Permanece Unida", originalmente do Little Quail and The Mad Birds, ex-banda do Gabriel e essencial na cena musical dos anos 90, regravada no disquinho em vinil Vai Thomaz no Acaju.



Depois emendam com o punk rock "1, 2, 3, 4", que talvez seja mais emocionante para quem, como eu, já viu o Little Quail se apresentando, do que pessoas interessadas somente na mistura de ritmos dos candangos.



Móveis Coloniais de Acaju



De resto, seguiram-se todas as coisas que acontecem no show deles aqui, mas que mesmo sem o fator surpresa não conseguem deixar de ser legais: palminhas, isqueiros, roda que não mais roda, invasão maciça do palco. O melhor é ver mesmo:




Móveis Coloniais de Acaju
Móveis Coloniais de Acaju

Um comentário:

Anônimo disse...

É meu amigo, eu já vinha dizendo que os Móveis fazem o melhor show do Brasil também, faz um tempinho.

http://edsonmarquezani.wordpress.com/2008/01/10/ouvindo-moveis-coliniais-de-acaju/

(Cheguei nesse blog procurando imagens dos Paralamas e Titãs juntos, e me deparo com um texto do Lismar, carinha que frequantava o site dos Titãs, assim como eu.)

Abraço.