Novidades musicais de todos os tempos. Também estamos em:

Flickr : Youtube : Twitter : Facebook

Destaques do site:

terça-feira, 11 de novembro de 2014

9 vídeos de Roberto Barreto e Morotó Slim mostrando a guitarra baiana do Baiana System e Retrofoguetes na Caixa Cultural (08/11/2014)





Mostramos aqui como foi o segundo dia do Guitarristas BR, que trouxe duplas de guitarristas mostrando a cada dia um estilo diferente de tocar o icônico instrumento e, se havia algo que poderia ser tão ou mais fantástico do que a guitarrada paraense, esse algo era a guitarra baiana.







Para demonstrar isso vieram Roberto Barreto, do Baiana System, e Morotó Slim, que toca com a banda de surf music Retrofoguetes. Embora não tenham a afinidade familiar que Felipe Cordeiro e seu pai Manoel possuem, os dois músicos da cena musical soteropolitana estão bem longe de serem desconhecidos um do outro.



Volta e meia relembro por aqui uma das experiências musicais mais espetaculares que já presenciei nestes anos de La Cumbuca, que foi uma semana antes do carnaval ver em Salvador um show do Retrofolia, versão carnavalesca do Retrofoguetes, que conta justamente com Roberto Barreto e Morotó Slim (mais o argentino Julio Moreno) na guitarra baiana, uma explosão alucinante de músicas tocadas nos trios elétricos de meados dos anos 70 até o começo dos 80.







Mas estamos em novembro ainda, faltando pouco menos de 100 dias para a melhor época do ano. Talvez para buscar mais amplitude no universo musical baiano a dupla começou e finalizou a apresentação com guitarras "normais", mas não menos envenenadas, com a surf music se fazendo presente em músicas dos Retrofoguetes ("Maldito Mambo" e "Ativar Retrofoguetes") e The Shadows ("Apache"; no dia anterior, com Felipe e Manoel Cordeiro, o grupo americano já tinha sido lembrado com "Man of Mystery").



Artistas baianos também foram homenageados: Raul Seixas, através de "Mosca na Sopa" e Antonio Carlos e Jocafi em uma ótima e pesada versão para "Se Quiser Valer". Pesada, mas dançante, em grande parte graças à percussão de Eduardo Lyra.







Mas não tinha jeito, o que interessava naquela noite era ver os dois tocando a pequena guitarra que produz um som tão explosivo. Quando ela tomou conta do pedaço, e com participação do baterista Bacalhau dos Autoramas em "Da Calçada Pro Lobato" do Baiana System, a vontade que deu era de procurar confete e serpentina e pular pelo teatro da Caixa.



Mas ao mesmo tempo não dá para tirar os olhos dos solos e melodias que vão aumentando a velocidade até beirar o inacreditável em sequência que contou com frevos da banda de Roberto Barreto e do trio elétrio Armandinho, Dodô e Osmar.







Podia ter rolado mais, muito mais. Fica a torcida para que um dia o Retrofolia venha ao Rio de Janeiro.




Nove vídeos registrados, que podem ser vistos aqui ou abaixo:





Músicas gravadas:

Se Quiser Valer
Apache
Moendo Café
Da Calçada Pro Lobato
Taiane
Frevo Dobrado Nº1
Frevo Foguete
Frevo do Trio Elétrico
Maldito Mambo



Nenhum comentário: