Novidades musicais de todos os tempos. Também estamos em:

Flickr : Youtube : Twitter : Facebook

Destaques do site:

sábado, 28 de dezembro de 2013

Vídeos e Fotos: Nouvelle Vague no Imperator (05/09/13)





Como Uma Nova Onda Que Sempre Volta






Nouvelle Vague é aquele caso clássico de músicos gringos apaixonados pelo Rio de Janeiro e vice-versa. Ano sim, ano não, o grupo se apresenta por aqui sempre com casa cheia seja no Jockey Clube, no Circo Voador e, desta vez, surpreendentemente saindo do eixo Zona Sul/Centro, no Imperator (localizado na zona norte da cidade).





Exatos 374 dias após a visita do ano passado, o grupo francês está de volta, com uma tour mais simples e intimista do que a apresentada em 2012.  Uma das novidades desta turnê é o baixista niteroiense Diogo Brown (após a cantora Karina Zeviani, é o segundo brasileiro que faz parte do grupo).





O NV (projeto criado por Marc Colin e Olivier Libaux) é famoso não só por suas versões new bossa de clássicos do punk e de new wave como também pelo rodízio de belas mulheres nos vocais e por toda a mise-en-scéne sensual que elas proporcionam.






A “novata” da vez é Elodie Frégé, modelo e cantora, que demonstrou até um pouco de nervosismo em alguns momentos mas, no fim das contas, saiu-se bem, encerrando o show com um clássico do Simonal, digo, da Brigitte Bardot.





A participação especial, improvisada, foi da percussionista Lan Lan, velha conhecida do grupo. Como a convidada demorou para chegar no palco, o grupo mandou um divertido “Onde está Lan Lan?” na intro de “Just Can´t Get Enough” que combinou direitinho.





Vejam abaixo 16 músicas que gravei:






Ou clique aqui.



Lista de Músicas:



- Lullaby (abertura do show)

- Ever fallen in love

- Master and servant

- Human fly

- Blue monday / Putain, putain

- Dancing with myself

- The killing moon

- Dance with me

- Blister in the sun

- Onde está Lan Lan? / Just can´t get enough (Participação: Lan Lan)

- Love will tear us apart

- Bizarre love triangle / Too drunk to fuck

- In a manner of speaking

- Tu veux ou tu veux pas (Nem vem que não tem)


Nenhum comentário: